Skip to Menu Skip to Search Contate-nos Mozambique Websites & Idiomas Skip to Content

A SGS tem uma rede global de laboratórios, oferecendo-lhe um nível sem paralelos de conhecimento analítico em todo o mundo. Para análise de barras de ouro e prata, há muitos métodos diferentes disponíveis, por exemplo, a barra de prata pode ser analisada por copelação, por titulação química ou por uma combinação entre titulação química e técnicas instrumentais. Os especialistas da SGS estão sempre disponíveis para auxiliá-lo na seleção da técnica analítica que melhor se adeque às duas finalidades.

De fato, o aspecto crítico da análise de barras de metais preciosos é uma amostragem adequada. O ouro e a prata devem ser submetidos a amostragem ainda quando estão fundidos. A técnica mais confiável envolve o uso de um amostrador a vácuo.

Após a amostragem, as amostras de barra de ouro têm normalmente 0,5 g e são copeladas com uma quantidade de prata suficiente para que a proporção entre Ag:Au esteja entre 2:1 e 4:1. Isso resultará em uma separação bem-sucedida. O rebordo restante após a copelação é enrolado em uma tira muito fina chamada coroa. O Au resultante é obtido separando (dissolvendo a prata com ácido nítrico para deixar o ouro) a coroa em ácido nítrico diluído. Isso dissolve a Ag mas não o Au, e o Au restante é pesado. Uma amostra do Au de prova com o mesmo peso da amostra é tratada ao mesmo tempo. O resultado da amostra é corrigido para qualquer ganho ou perda (chamado de sobrecarga) de acordo com o resultado do ouro de prova. Geralmente, as amostras são executadas pelo menos em duplicata.

As análises da barra de prata podem ser feitas por copelação, por titulação química, ou por combinação entre titulação química e técnicas instrumentais. O processo de copelação está sujeito a erros de volatilização que devem ser corrigidos. Os erros inerentes ao método de copelação podem ser evitados pelo método químico por via úmida. Esse método consiste em dissolver uma amostra de 1 g de barra de metal precioso em ácido nítrico. Após esse estágio, a finalização pode ser por titulação ou instrumental.

A SGS tem um programa intensivo e contínuo para monitorar a qualidade em todos os nossos laboratórios. Dezenas de laboratórios possuem certificações e credenciamentos com reconhecimento internacional e do setor. Os escopos variam entre os laboratórios.

Torne-se parceiro da SGS hoje mesmo e descubra como nosso conhecimento pode lhe proporcionar resultados precisos e confiáveis na análise de barras de ouro e prata.