Skip to Menu Skip to Search Contate-nos Mozambique Websites & Idiomas Skip to Content

Os resultados incorretos que surgem de uma pepita de outro visível são um problema em todo o mundo.

A SGS pode ajudá-lo a resolver esse problema, também conhecido como efeito pepita, com análises e ensaios de metais preciosos em qualquer um dos laboratórios de nossa rede global. Nosso nível incomparável de experiência analítica significa que sabemos como realizar a amostragem e o tratamento desses materiais. O método de peneiração de metais, também conhecido como metal triturado, é usado para obter a melhor capacidade de reprodução quando o ouro metálico estiver presente no minério. 

Nesse método, uma amostra de 500 g é peneirada em 106 mícrons. A fração positiva sobre copelação e um contraste duplicado é realizado na fração negativa. Os pesos de tamanho fracionário, o conteúdo de ouro fracionado grosso ou fino e o conteúdo de outro total são reportados.

Os materiais metálicos peneirados também podem ser usados com amostras contendo outros metais nativos como cobre, prata, paládio e platina.

A SGS tem um programa intensivo e contínuo para monitorar a qualidade em todos os nossos laboratórios. Dezenas de laboratórios possuem certificações e credenciamentos com reconhecimento internacional e do setor. Os escopos variam entre os laboratórios.

Seja um parceiro da SGS para obter resultados mais reproduzíveis com ouro em amostras contando ouro visível.